Saiba TUDO sobre a Poupança e CDB

POUPANÇA

O investimento na poupança, também conhecida como Caderneta de Poupança é o investimento mais popular do Brasil.

Esse investimento de Renda Fixa é padronizado em todos os bancos e rende exatamente a mesma coisa, seja num banco público ou privado, banco grande ou numa cooperativa de crédito.

A poupança NÃO é garantida pelo governo. Isso é um mito. A poupança, assim como outros instrumentos financeiros, é garantida pelo FGC.

FGC

FGC – Fundo Garantidor de Crédito. Garante investimentos até R$ 250 mil por cpf e por instituição financeira.

O ideal é ir diversificando os investimentos entre instituições. Não colocamos todos os ovos na mesma cesta.

A diversificação é sempre uma boa estratégia de diluição dos riscos dos investimentos.

Sim. Mesmo investimentos em renda fixa possui algum risco.

 

Quer saber mais sobre a poupança?

Além da poupança o vídeo ainda apresenta algumas dicas sobre CDB.

Uma boa forma de poupar é através da POUPANÇA DE 52 SEMANAS.

 

Fale comigo: cleber9998@gmail.com

Poupança de 52 semanas

Poupança de 52 Semanas

Eis uma forma prática de guardar dinheiro e realizar sonhos materiais. Guardar dinheiro através da Poupança de 52 Semanas.

POUPANCA_52_SEMANAS

Tenho sugerido aos meus leitores que guardem dinheiro. Não interessa, em princípio onde você vai guardar. O que me interesse é que você não gaste.

Primeiro guarde, depois que juntar o suficiente para uma reserva de emergência que o Mauro Halfeld orienta que seja de 1 a 3 vezes o que ganha, aí sim, aí podemos tratar de opções de investimento e rendimentos interessantes.

Poupar em pequenos valores pode ser muito interessante.

 

Tente. Treine. Vale a pena.

 

Precisa de ajuda?

Fale comigo cleber9998@gmail.com

 

Cléber

 

O drama de poupar – As dificuldades das pessoas comuns em poupar

Prezado leitor que me acompanha. Muitas pessoas tem grande dificuldade de poupar.

POUPAR

Esta postagem visa abrir a oportunidade de você relatar a sua dificuldade em poupar.

Qual o seu problema? O que mais te dificulta ao poupar?

 

Postergar a oportunidade de começar uma poupança é um grande erro. A gente sempre acha que depois vai começar. E nunca começamos.

Aqui tentaremos tecer comentários a respeito do nosso imediatismo, recompensas, planejamento e a noção de riqueza construída de pouco em pouco.

A recuperação financeira passa pela poupança. Necessariamente passa. Lembre-se que poupar é guardar.

Guardar dinheiro é o melhor investimento que existe.

Seja frugal.

Vamos lá. Faça seu comentário relatando a dificuldade que tem ou teve em poupar.

A DIFICULDADE DE POUPAR

Atualização: Você pode ter dificuldades em poupar devido à sua criação. Grande parte dos brasileiros cresceu em lares onde o assunto dinheiro era proibido e os pais não faziam nenhuma poupança.

No livro O Milionário mora ao Lado, Stanley e Danko (escrevi este post aqui: http://clebermiranda.com/o-milionario-mora-ao-lado/ e este outro aqui: http://clebermiranda.com/o-milionario-mora-ao-lado-2/ e ainda postei um vídeo sobre o livro e sobre a frugalidade) afirmam que grande parte dos milionários de primeira geração estudados na pesquisa que realizaram eram filhos de pais frugais.

E na vida conjugal? Como é no casal? Você precisa conversar com seu marido/esposa sobre dinheiro.

Aprenda sobre frugalidade, aprenda sobre juros compostos. Veja esse vídeo que gravei ainda bem jovem sobre o assunto:

Cléber Miranda

https://plus.google.com/+Cl%C3%A9berMirandaEduca%C3%A7%C3%A3oFinanceira

Aprender para economizar. Aprender para investir. Estamos no FACEBOOK e no YOUTUBE. Que tal começar a mudar sua vida financeira? Poupe hoje. Entre em contato: cleber9998@gmail.com

Juros bons – A força dos juros compostos

JUROS – MOCINHOS OU VILÕES

Você sabia que existem juros bons? Sim. São os juros que você recebe.
Você recebe juros? Você paga juros? Adoro juros compostos.

Nesse exato momento você está recebendo juros?

Receber juros dos seus investimentos é uma forma de ‘renda passiva’.

finanças, juros, poupança
Juros bons, Finanças, poupança

Os juros compostos é que farão você enriquecer.

OS JUROS COMPOSTOS ATUAM A SEU FAVOR TODA VEZ QUE VOCÊ POUPA DINHEIRO EM ALGUM PRODUTO DE INVESTIMENTO COMO A POUPANÇA OU OUTROS,

Vamos fazer algumas suposições. O ano começou e estou animado…

A SELIC (Taxa básica de juros da economia brasileira e que remunera parte da dívida pública) está hoje em 8,75% (2010) ao ano.
O cheque especial do banco está em torno de 130% ao ano. Compare essas taxas.

O rotativo do cartão de crédito supera os 200% ao ano.
A poupança está pagando 5% ao ano.

Nem precisa ser gênio para perceber que ser não for cuidadoso com o seu dinheiro o ‘sistema’ vai te arruinar.

Os juros que você recebe na poupança é infinitamente menor que o juro cobrado de você mesmo no Crédito ao Consumidor (CDC), Financiamento Imobiliário e Empréstimo Pessoal.

Mesmo assim, é possível se tornar independente financeiramente guardando dinheiro.

O segredo?

Guardar sempre.

Não importa muito o valor. O tempo cuida de aplicar a mágica.

Dica: Procure no seu banco ou faça uma simulação na internet de um Plano Previdência Privada. Isso mesmo. Além de ser uma excelente forma de dar vida ao planejamento financeiro, você vai se precavendo da derrocada anunciada do INSS. Esse tema vai ser muito debatido aqui em 2010.

Todos os grandes bancos e seguradoras oferecem alguma modalidade desse investimento.

Pronto. Existem juros bons. Juros bons são os que você recebe. Esses juros são chamados no livro O Homem Mais Rico da Babilônia de ‘escravos amarelinhos”. Eles vão trabalhar disciplinadamente produzindo novos escravinhos que vão enriquecê-lo no longo prazo.

Fixe essa idéia. Independência Financeira. Para alcançá-la é necessário se planejar. Dedicação no planejamento e disciplina na execução.

Veja um vídeo sobre juros compostos:

Veja outros textos sobre juros clicando AQUI:

 

Encontre mais Educação Financeira na internet:

#EducaçãoFinanceira #Poupança #Riqueza #IndependênciaFinanceira

cleber9998@gmail.com – Envie suas dúvidas

Siga no Facebook
www.facebook.com/CleberEducacaoFinanceira

Conheça o canal no Youtube:

https://www.youtube.com/channel/UCuuKLWNMbOTV55j3Ujk18Zw

Tarifas bancárias – A solução

Prezados. Minha novela com o banco chegou ao fim. Até aqui com final feliz igual a novela das oito.

A gerente não conseguiu que meu dinheirinho fosse devolvido, isso era esperar muito.

O que fizeram foi me isentar por 5 meses da tarifa bancária (hoje pago R$ 19,50 por mês). No final das contas fiquei feliz pelo resultado. Fazendo as contas me beneficiei. Não foi nenhuma esperteza. A decisão de fazer isso foi do banco.

Fiquei com a impressão de que se eu não fosse lá esse benefício não seria concedido. Isso me cheira a esperteza.

Os chamados ‘gerentes de relacionamento’ não fazem muito para regar diariamente o esse nosso relacionamento baseado em dinheiro. Esse é o que chamo de casamento por interesse.

Se eu não tivesse percebido a subtração do meu dinheiro (o que faço monitorando a conta diariamente) teria ficado por isso mesmo.

Isso me lembra os bilhões de reais de brasileiros largados abandonados nas contas, no PIS, em poupanças que não recebem mais depósitos. Se você perceber que os bancos tem milhões de clientes, cada centavo deixado lá por desavisados salva o bônus dos executivos.

Longe de mim satanizar os bancos, acho o melhor negócio do mundo, mas eles às vezes (às vezes?) não muito corretos com os seus humildes clientes.

Como prometido, o banco onde isso aconteceu foi o BANESTES – Banco do Estado do Espírito Santo. Esse banco esteve a ponto de ser incorporado pelo BB ano passado e não aconteceu o negócio.

Parabenizo os gerentes da agência onde tenho conta pelo bom senso na solução desse pequeno imbróglio.

Encontre Educação Financeira por aí na internet:

No Twitter:  www.twitter.com/minhagrana
Fale comigo:  cleber9998@gmail.com

Muito dinheiro…. Pouco dinheiro

Esse é a pergunta que não quer calar. R$ 1,00 é muito dinheiro?

Sim. Não. Talvez?

Sinceramente acho que R$ 1,00 é muito dinheiro.

Quando conseguimos juntar o dinheiro necessário para realizar algum pequeno sonho de R$ 10,00 ou R$ 20,00 entendemos o valor de R$1,00.

Experimente colocar no excel a seguinte conta. R$ 1,00 poupado por dia de vida. A minha conta ficou estratosférica, e nem sou tão velho assim.

Esse humilde educador já viveu 10.883 dias até  o momento que aqui escrevo.

Guardando R$ 1,00 por dia, corrigido pela poupança (0,6% ao mês) teria hoje R$ 39.000,00. Nada mal.

Considerando que para um deslocamento casa-trabalho-casa a gente gasta, no mínimo, R$ 4,00 diários.

Que me recorde o dito popular é “de grão em grão a galinha enche o papo”. segredo da riqueza não é a quantidade de dinheiro que guarda, mas o tempo. O tempo é o senhor da fortuna.

Encontre Educação Financeira por aí na internet:

Fale comigo:  cleber9998@gmail.com

Tarifas bancárias

Ainda me assusto ao perceber quantas pessoas ainda não tem conta em banco. São milhares de pessoas que não tem conta em banco. As que possuem pagam tarifas bancárias que são debitadas todos os meses.

Todo mundo que tem conta em banco (exceto a conta salário) paga alguma tarifa de manutenção da conta. A essa tarifa dá-se o nome de cesta de serviços. Essa cesta de serviços, segundo os bancos, serve para remunerar os serviços administrativos.

O valor vai variar em função da quantidade de serviços ou possibilidades ofertadas pelo banco ao correntista.

Tenho conta em um banco que me cobra uma generosa quantia por mês para manter a minha conta. Dentro do pacote está descrito quantos saques, TEDs, DOCs, TEFs e extrados podem ser feitos.

Certa feita fui surpreendido com um desconto de R$ 44,50 de minha conta. Ligando para o gerente fui informado que esse valore referia-se a cada TEF (Transferência Eletrônica) que eu realizava entre minha conta corrente e a poupança. Assim,  a cada TEF que eu realizei além da minha cota é cobrado, pasmem, R$ 1,30 por transação. Muito caro.

Explicando a razão do estouro. Eu não sabia a quantas TEFs tinha direito. Logo, fazia transferências todos os dias. Parece engraçado, mas é didático. Pratico o que incentivo e ensino. Transfiro para a poupança todos os valores que consigo economizar em um dia. Passagem de ônibus, combustível do carro, almoço e outros. Se economizo R$ 2,00 transfiro para a poupança.

Fiquei uma fera com o banco que ainda está revendo a possibilidade de ‘estornar’ o valor. Minhas transferências aconteceram dentro do mesmo banco, mesma agência. Estou aplicando no próprio banco.

Além do mais, os produtos da cesta que não utilizo não me são creditados em caso de não uso. Por que não? Quero ficar com crédito de DOCs, TEDs, extratos, saques e tudo o que pago para ter caso o banco não devolva meu suado dinheirinho que vai crescendo todo mês.

As tarifas bancárias são grande fonte de lucro para os bancos. São caras e, no caso desse banco, oferece pouquíssimos serviços e facilidades aos correntistas. Ainda não qual o banco, caso o problema não se resolva eu conto para todos.

Olho vivo, confira seu extrato sempre, continue poupando, continue enriquecendo.

Existem as contas eletrônicas. Ocorre que os bancos tentar empurrar produtos (inúteis) a todo custo.

Essa prática  de transferir dinheiro para a poupança ou outras aplicações foi automatizada. Não vale a pena ter que que fazer transferências todos os dias. Você precisa se concentrar em ganhar dinheiro na sua área de atuação. A ideia é ficar rico automaticamente. Faça essas transferências de maneira automática (deixe programado).

 

Fale comigo:  cleber9998@gmail.com

Mais com menos

Você conhece alguém que tem um patrimônio muito superior ao que sua renda permitiria? Essa pessoa tem um trabalho normal, uma fampilia normal e uma renda baixa ou razoável e vive muito melhor que o restante. Vive melhor até que quem ganha mais que ela?.

Estamos acostumados a falar do lado oposto. Dos gastadores que devem até a alma para os bancos (como o Santander que acabou de levantar R$ 14 bilhões na bolsa para emprestar para a turma).

Essa semana refleti bastante sobre isso. Conheço algumas pessoas nessa situação. Vamos aos detalhes:

  • Essas pessoas não suportam ficar desempregadas;
  • Trabalham em mais de um emprego se for necessário;
  • Não suportam ficar devendo;
  • Poupam com regularidade;
  • Fazem algum tipo de investimento (poupança e consórcio são muito comuns);

Essas pessoas estão sempre investindo na própria moradia ou em imóveis para aluguel.

Me causa muita admiração ao ver pessoas simples, com pouca educação mas que possuem o COMPORTAMENTO de quem possui Educação Financeira. Em épocas de prosperidade econômica essa turma se beneficia mais.

Longa vida aos nossos simples poupadores. Eles estão aplicando a máxima do ‘milionário mora ao lado’ na vida cotidiana.

Primeiro Milhão

O ideal de todo mundo que faz planejamento financeiro é alcançar a sonhada Independência Financeira. O primeiro milhão se torna assim um ‘número mágico’ que possibilita uma renda tranquila perene sem sacar o principal.

Essa ferramenta do Yahoo Finanças é prática e interativa. Entre lá e veja de quanto tempo precisa para chegar ao seu primeiro milhão de reais.

Meu Primeiro Milhão Yahoo Finanças

primeiromilhao